Orientações à população para ligações domiciliares de esgoto

O esgoto em nossa cidade tem como destino final uma estação de tratamento. Para cumprir a finalidade para o qual foi construído, o sistema de coleta e de tratamento depende que cada cliente faça as ligações na rede de esgoto cumprindo as normas técnicas. Principalmente para não misturar o esgoto com a água da chuva.

Na rede do Serviço de Saneamento Ambiental (Sanear) só deve ser lançado o esgoto. Se a água da chuva for canalizada para a rede coletora, pode haver sobrecarga na tubulação e o esgoto irá retornar para dentro de algum imóvel, normalmente pelo vaso sanitário.

A água das calhas e ralos deve ser encaminhada para a galeria de água pluvial, instalada pela Prefeitura. Na parte externa da galeria, estão instaladas as bocas de lobo, que retém o lixo e permitem o escoamento da água da chuva das calhas e das ruas. Estes equipamentos compõem o sistema de drenagem e a água da chuva é destinada a um rio.

A população deve seguir medidas simples de escoamento para destinar os resíduos dos imóveis.

O esgoto que sai da pia de cozinha e da churrasqueira deve passar pela caixa de gordura antes de chegar à rede da Sanear. Esta caixa deve receber limpeza periodicamente para evitar que os resíduos entupam a rede e provoquem o retorno do esgoto para dentro da residência.

Em lojas de materiais de construção já existem caixas de gordura com cestinha que armazena a gordura e permite a limpeza de forma fácil.

Comments are closed.